Sexta, 15 de Outubro de 2021
25°

Pancada de chuva

Paranavaí - PR

Cidades Pandemia

Nesta terça, Paranavaí retoma aplicação da 2ª dose do imunizante Astrazeneca

Quem já está dentro do prazo indicado no Cartão de Vacina para receber a 2ª dose do imunizante, pode ir até o Centro de Eventos, das 8h às 14h

27/09/2021 às 16h32 Atualizada em 27/09/2021 às 16h35
Por: Da Redação Fonte: Ass. Imp. PMP
Compartilhe:
Nesta terça, Paranavaí retoma aplicação da 2ª dose do imunizante Astrazeneca

A partir desta terça-feira, dia 28 de setembro, a Secretaria Municipal de Saúde vai retomar a aplicação das segundas doses do imunizante Astrazeneca em Paranavaí. O município recebeu nesta segunda-feira (27) um novo lote de doses para completar o esquema vacinal da população que recebeu a 1ª dose de Astrazeneca. Quem já está dentro do prazo indicado no Cartão de Vacina para receber a 2ª dose do imunizante, pode ir até o Centro de Eventos, das 8h às 14h. 

Aplicação de 1ª, 2ª e 3ª dose – Durante toda a semana, o município também dá continuidade à ação de repescagem da vacina contra Covid-19 para todas as pessoas com idade a partir de 18 anos completos que ainda não tomaram a 1ª dose. 

Além da ação de respecagem, o Centro de Eventos também continua como ponto único de aplicação de 2ª dose, agora dos três imunizantes: Astrazeneca, Coronavac e Pfizer. Lembrando que, para a aplicação da 2ª dose, deve-se respeitar a data indicada no Cartão de Vacina.

Para receber a 1ª ou a 2ª dose da vacina, basta que os públicos-alvo se dirijam ao Centro de Eventos levando documento de identificação com foto, Cartão SUS, Cartão de Vacina e Cartão de Gestante (para grávidas e puérperas). 

Esta semana também estão sendo imunizados dois grupos específicos com a 3ª dose: o grupo das pessoas idosas com 70 anos ou mais; e o grupo de pessoas com alto grau de imunossupressão. Para ambos os grupos, a 3ª dose da vacina aplicada será a da Pfizer, independente de a pessoa ter sido vacinada com outros imunizantes anteriormente.

Para receber a 3ª dose, os idosos com mais de 70 anos devem apresentar documentos pessoais e Cartão de Vacina comprovando a aplicação das duas doses anteriores. Lembrando que, para os idosos com mais de 70 anos, o intervalo para a dose de reforço deverá ser de, no mínimo, 6 meses após a imunização com a 2ª dose.

No caso de idosos com mais de 70 anos que estejam acamados, as terceiras doses serão aplicadas nos domicílios pelas equipes do ESF (Estratégia Saúde da Família).

Já as pessoas que se enquadram no grupo de alto grau de imunossupressão devem apresentar documento pessoal com foto, Cartão de Vacina com a comprovação da aplicação das duas primeiras doses, e uma Declaração Médica autorizando a vacinação, assinada e carimbada pelo médico responsável, conforme modelo em anexo disponibilizado pela 14ª Regional de Saúde.

Segundo o PNI (Plano Nacional de Imunização), se enquadram no grupo apto a receber a 3ª dose da vacina contra Covid-19, as pessoas com alto grau de imunossupressão como: imunodeficiência primária grave; paciente em tratamento de quimioterapia para câncer; transplantados de órgão sólido ou de células tronco hematopoiéticas (TCTH) em uso de drogas imunossupressoras; pessoas vivendo com HIV/Aids com CD4 menor que 200 céls/mm3; pessoas em uso de corticóides em doses maiores ou iguais a 20 mg/dia de prednisona, ou equivalente, por mais de 14 dias; pacientes em uso de drogas modificadoras da resposta imune; pacientes em hemodiálise; e pessoas com doenças imunomediadas inflamatórias crônicas (reumatológicas, auto inflamatórias, doenças intestinais inflamatórias).

Lembrando que, para os indivíduos com alto grau de imunossupressão, o intervalo para a dose de reforço deverá ser de, no mínimo, 28 dias após a imunização com a 2ª dose.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias